2 de novembro de 2006

aGoRA vAi!


Casa Curta-SE + NPD + Governo de Marcelo Déda: dessa vez vai!

Ontem eu fui pra inauguração do novo Núcleo de Produção Digital Orlando Vieira (NPD). Fiquei impressionado com o cuidado com que tudo está sendo feito por lá e muito feliz em saber que as iniciativas em torno do audiovisual em Sergipe ganharam mais uma casa.

Mais uma, porque como fizeram questão de reconhecer tanto o prefeito Edvaldo Nogueira, quanto a coordenadora do Núcleo Indira Amaral, e o ator homenageado Orlando Vieira, não dá pra esquecer o papel fundamental que a Casa Curta-SE joga nesta área com o seu bebê de apenas seis anos e já destacado nacionalmente: o Festival Luso-Brasileiro de Curtas-Metragens de Sergipe.

O Governo Federal tem dado sua parcela de contribuição ao formar os Pontos de Cultura, ao patrocinar o Curta-SE através da Petrobras e ao criar em Aracaju a Rede Olhar Brasil (apenas outros 1o estados tiveram seus projetos selecionados além de nós. Mérito de Indira e da prefeitura da cidade!)

A situação é perfeita? Não. É ideal? Não. Mas é MUITO MAIS REAL do que apenas promissora.

Por falar em situação promissora, o governo de Marcelo Déda a partir de 2007 também deverá favorecer imensamente o audiovisual em Sergipe. De imediato, mais apoio para o Curta-SE e a inserção da TV Aperipê na agenda da produção independente são interessantíssimos caminhos a seguir. E o futuro governador ex-diretor em filmes Super8 não vai decepcionar, já que na prefeitura apoiou o Curta-SE desde o primeiro ano.

Mais oxigênio para fazer respirar a cena audiovisual de Sergipe. E o melhor de tudo: acesso livre para todos!

P.S.: A marca da Rede Olhar Brasil é do designer sergipano Mingau. O cara manda bem, né?

2 comentários:

Rosângela Rocha disse...

Enfim, saímos do buraco negro. Agora é ver aonde essa luz vai dar.

Anônimo disse...

É uma iniciativa muito boa, mas sinto lhe dizer que ainda estar longe de ter acesso livre para todos. O NPD precisa abrir espaço para comunidades de baixa renda, e não apenas para as mesmas figuras que pulam de um curso para outro em Sergipe. Parabéns para Indira Amaral e seu time.